Alunos do 11.º e 12.º PT no II Colóquio Nacional de Hotelaria de Ar Livre

Pela Prof.ª Dina Vieira
21/11/2019

No dia 16 de novembro, o curso de Património e Turismo participou no II Colóquio Nacional de Hotelaria de Ar Livre: “Uma opção de Turismo para Todos”, promovido pelos “ISTAS”®, que decorreu no Centro Luso Venezuelano, em Nogueira da Regedoura.

 

Atendendo ao exponencial crescimento do Turismo, a Dr.ª Cláudia Abreu, cofundadora dos “ISTAS”, deu o mote para iniciar a discussão: “Hotelaria de Ar Livre em Portugal, que rumo seguir?”, fazendo uma viagem pela evolução dos Parques de Campismo e Caravanismo, mostrando, também, algumas das novas tendências do setor. Abordou, ainda, questões inerentes às especificidades exigidas nesta área, focando-se na necessidade de ajustar a formação em Turismo, dando resposta aos desafios do mercado, e referindo a importância de uma reflexão partilhada.


Assim, os “ISTAS” tomaram a iniciativa de reunir alguns dos agentes que operam no mercado da Hotelaria de Ar Livre, bem como alguns representantes de escolas, de forma a que fossem trocadas impressões e desenvolvidas ações colaborativas entre todos.


Os oradores convidados, no primeiro painel, foram a Dr.ª Beatriz Santos, Diretora de “Marketing” e Vendas Orbitur, o Dr. Pedro Pereira, responsável pela Área de Serviço de Autocaravanas (ASA) de Paredes de Coura, e o Dr. Eurico Moreno, chefe de divisão do Turismo da Câmara Municipal de Gaia. Em jeito de tertúlia, estes convidados, para além de apresentarem o trabalho desenvolvido, expuseram algumas estratégias para melhor promover a Hotelaria de Ar Livre, numa fase em que Portugal é o país da Europa que está a evidenciar o maior crescimento no setor do turismo e viagens.


Sensíveis ao público com mobilidade reduzida, os “ISTAS” convidaram, também, a Dr.ª Maria João Figueiredo, que, para além de cliente assídua da Hotelaria de Ar Livre, colabora na Associação Salvador e deu um testemunho bastante emotivo sobre as principais barreias que um cliente com deficiência motora encontra durante a experiência turística.


Neste seguimento, foi apresentado o mais recente projeto: “A ISTAS APP: de ISTAS para ISTAS!” O, também “ISTA”, Miguel Figueiredo apresentou todas as funcionalidades da aplicação que permite ao usuário planear, de forma cómoda e inclusiva, as suas viagens, pois elenca um conjunto de informações turísticas de grande pertinência para o cliente: mapas, locais de aparcamento, roteiros, parceiros, entre outras.


Por fim, foram reunidos, no segundo painel, o Dr. Carlos Silva, diretor do Centro de Formação de Professores, o Dr. Álvaro Santos, diretor do Agrupamento de Escolas de Valadares, e a Dr.ª Dina Vieira, coordenadora do Curso de Património e Turismo do CIC, que, em conjunto com a Dr.ª Beatriz Santos (Orbitur), debateram o tema “Da Escola para a Hotelaria de Ar Livre, que requisitos?”.


Respondendo à questão “de que forma os professores se preparam para ensinarem face aos desafios da sociedade?”, foi referido o trabalho desenvolvido pelo projeto “LIPCIC”, onde, de forma colaborativa, os professores do CIC discutem novas pedagogias e novas formas de pensar a educação, bem como o projeto EQAVET (Quadro de Referência Europeu de Garantia da Qualidade para o Ensino e a Formação Profissionais), que, no âmbito do processo de certificação da qualidade, se torna cada vez mais premente avizinhar as empresas e auscultar, junto das mesmas, como trabalhar as competências e o perfil dos alunos, para um maior sucesso no mercado de trabalho.


Depois de apresentados todos os pontos de vista e as suas experiências, constatou-se que existe uma dimensão que deve ser cada vez mais cuidada: a humana! Neste âmbito, foram apresentados os projetos “CICSkills” e “Ser +”, dada a importância dos valores e das competências comportamentais para o êxito pessoal e profissional.


Deve-se, ainda, enaltecer o trabalho desenvolvido pelos alunos Ana Almeida, Bárbara Brandão, Rui Maia, Francisco Esteves, Luís Pedrosa, Ana Santos, Gabriela Guedes, Carolina Cardoso (11.º PT) e David Pinto (12.º PT), pois desempenharam, com muito profissionalismo, o papel da receção do evento!


Resta-nos agradecer aos “ISTAS” o convite e o repto de reforçar os laços com o tecido empresarial!



Pela Prof.ª Dina Vieira
o.